terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Pedra


Existe em diversos lugares do mundo pessoas que moram em grutas no meio do mato. Sim, é verdade que dormem em cavernas, sentam-se em cadeiras de pedra, aconchegam-se em leitos de folhas secas, e respiram umidade e têm morcegos como companheiros. ..............   E são felizes.

Onde estamos? Onde está o Homem? Sempre em cavernas, mentais ou florestais. Diferente apenas pela matéria que pode tocar. Porque até a matéria luz do que ele significa deve ser a mesma, pois habitamos o mesmo desconhecido, sempre.

Algumas cavernas luxuosas, outras menos, outras apenas cavernas. A mente em si é construída pelos mesmos azulejos,pelo mesmo cimento - o glúten da pedra! Estica-se a pedra conforme se pode. Reveste-se a pedra para que não pareça pedra; ou expõe-se a mesma para que pareça pedra bonita, pedra de lei, cara rica e rara, Carrara.    .................  E são felizes.

Mas o que há? Tudo é pedra e buraco nela. Vive-se em pedras como pensa-se em pedras. Nosso cérebro nada mais é que um paralelepípedo que pensa pensar. Pensamos ou simplesmente nos entupimos de massa branca? Moldamos nossas esculturas de acordo com o que acreditamos, e o que acreditamos é o que nos fizeram acreditar - aqueles seres de pedra.

Não é à toa que somos, cada um, cientificamente comprovados poeira de estrelas.

Pedra.




Nenhum comentário: