segunda-feira, 1 de junho de 2015

Solidão


Sou eu solidão?
Ou é a solidão que sou eu?
Que diferença...?
Não saber da onde vem o vazio!
Como uma gravidade sem planetas
É a matéria negra
Que ocupa todo o espaço do Universo
Mas que no fundo
Se esconde em minhas mãos





Nenhum comentário: