terça-feira, 7 de outubro de 2014

Bolsa Família


Tem gente achando que o Bolsa Família é distribuição de renda. Essas pessoas nunca devem ter lido algum livro sobre economia. Distribuição de renda acontece quando trabalho é gerado, e não quando o dinheiro de quem paga impostos é distribuído nas classes mais pobres. Isso gera inflação e decadência da classe média (que é a maior classe empregadora). Com a inflação e a decadência da classe empregadora aumenta o número de pobres e consequentemente há mais necessidade de Bolsa Família. Isso força o governo a imprimir dinheiro pra poder cumprir com esses gastos o que resulta em mais inflação. Além disso o Bolsa Família abre portas para dezenas de contravenções, como lavagem de dinheiro, desvio de capital, corrupção, "carteiradas", privilégios ilícitos, etc. Ou seja: quem acredita no Bolsa Família como solução para a fome devia pensar que a melhor solução para a fome é construir pontes, estradas, ferrovias, obras, etc. Só o desenvolvimento gera trabalho e consequentemente emprego. O Bolsa Família é o maior erro que se pode cometer. Paliativo entendido, pelos ignorantes, como solução. Pra quem nunca abriu um livro sobre economia (básico) isso tem nome e se chama CARITOCRACIA. Ou seja: sistema baseado na caridade (esmola), e que é a longo prazo a melhor maneira de se afundar e falir uma sociedade.





Nenhum comentário: