sexta-feira, 28 de março de 2014

Que Merda!

A vida carrega mais sal do que terra. Terra é fácil de encontrar. Já o sal valeu muito dinheiro no passado. E por incrível que pareça já virou cliché o "sal da terra". O que será que faz duas coisas se completarem?

Eu não amo. Não tenho mais amor no coração. Faz tempo que só amo o uísque que tomo. Bom.... o rum, porque uísque anda meio caro pra mim. Então tomo rum sempre do mais vagabundo, admirando sua cor transparente, inexistente. Rum é terra, sal é uísque.

- Porra! Mas uísque tem cor de terra, e rum de sal, acho que você está confundindo as bolas.

- Bolas não. Você sabia que a maioria das expressões linguísticas brasileiras são perversas? Por exemplo: "fazer nas coxas". Já ouviu coisa mais feia que isso? Significa gozar nas coxas da mulher vírgem como forma de desabafar a necessidade sexual antes de um suposto casamento. Gíria antiga que nossos pais adotaram sem nem pensar no desequilíbrio psicológico que nos causaria (e causou) em nossas vidas. Outra: "levar a vida na flauta!".

- Não! Essa não tem nada a ver com piroca. Você tem uma mente doente! 

É claro que tinha uma mente doente: passou a vida sendo chamado de ***** no colégio, no trabalho, no futebol, na rua. Fez uma aula de jiu-jitsu pra ver se dava porrada em algum deles, mas sofreu bulling do professor, pode? Fez kung fu, mas a academia era uma espécie de gang, onde o professor oferecia serviços de "ajuda", caso algum aluno possuísse rivalidades na escola.

- Pô, mas isso até que era legal! Pena que com os novos tempos, e a consciência orgânica de tomates isso foi por terra abaixo. Acho que um professor de kung fu justiceiro faz falta neste mundo de merda!

De novo a palavra "terra". O que realmente significa "terra"? Estrume? Cama de flores? Vida? Merda? Tudo isso? Terra é o paradoxo do sal. E mesmo assim ambas andas juntas num "song" dos Rolling Stones. Porém terra é totalmente diferente de sal. Terra enobrece, alimenta; o sal mata, assepcia, limpa. 

- Cara, eu surfo há anos e sei que a fauna marítima, especialmente os corais onde me arrebento não sobrevivem sem o sal. Até se cozinha com sal marinho, água marinha na moqueca é o bicho!

- Pe-la-mor-de-De-us! Moqueca cozida com xixi de caranguejo é o fim! Eu não faço, não adianta.

Houve uma época em que as pessoas achavam que seus leitos de morte eram o mar. E por isso, no momento derradeiro, alguns malucos pisavam as areias de copacabana em direção às ondas que os levariam ao Valhalla carioca.

- Cara, eu lembro do terror que eu sofria quando minha mãe me segurava no colo, ainda bem menino, e adentrava as areias de copacabana me levando à força. Meu medo sumiu. Hoje em meus sonhos surfo Waimea. Mas o engraçado é que outros medos ficaram, e nada tem de salgados, são muito mais ligados à terra que outra coisa.

- Um minuto, vou pegar um rum...

Fazia coquetel de rum com rivotril. Sabe o que sentia?: nada! Pode isso? Morava numa cidadezinha de Ohio, e enquanto bebia admirava a chuva que caía quase o ano inteiro.

- Cara, sabe o que eu gosto de fazer aqui? Sair neste frio de quase inverno apenas vestindo uma calça de veludo e mais nada. Gosto do choque térmico. Esse choque térmico me lembra das aventuras que quero viver.

- Fodam-se as suas aventuras! Eu quero apenas ter um jabuti, no Hawaii eles sobrevivem, se bobear levo pra surfar.

O Frio é salgado; o calor é feito de terra, de lama. A chuva que cai na pele, não importa, sempre nos enternece, ou nos mata. O rum um dia será uísque, e no fundo será a mesma coisa que uma prostituta encostada num bar de Las Vegas, ou do Meridian de Copacabana.

- Sabe que de longe Meridian sempre me pareceu Merdian?

Que merda!

8 comentários:

Anônimo disse...

Mentiroso

Anônimo disse...

La bola de nieve ha parado...porque me sigue Espiando?....quiere ser un romántico pero le faltan cojones...hace tantas tonterías!!!....y pone excusas siempre...antes porque estaba enamorado y todo vale ...y ahora porque no tiene corazón.....no querido!!!!...comportese!!!...parece idiota...siempre lamentandose.....no me da ningúna pena....no juegue con las cosas importantes....es muy infantil...

Anônimo disse...

Todos mis problemas surgen de vc...de mi insatisfacción....la gente te pisa cuando te caes....y vc me tiro al suelo...me levantare y seguiré con mi vida

Anônimo disse...

No utilice más ....paradoxo

Anônimo disse...

Cuando las cosas están mal lo más seguro es q mejoren....eso no me preocupa...

Anônimo disse...

El rivotril tampoco lo escriba más....

Anônimo disse...

Vc nunca ha amado...nunca ha habido amor en su corazón....vc confunde el amor con el deseo...con sus conclusiones...por eso no me fui...porque yo soy más vulnerable q el chocolate...

Anônimo disse...

No puede sentir amor y traicionar de esa manera...ni siquiera el desamor le da derecho al maltrato....sólo el sentimiento de propiedad ...dice q ya no siente amor....vc no sabe lo q es el amor.