domingo, 18 de março de 2012

Pausa

Há um lugar no infinito                                              
De cada palavra
De cada sonho
De cada imaginação.
Um lugar mágico
Onde o espaço tem fim
E o fim é só espaço.
Um lugar delimitado
Pela sua imensidão
...sempiterna...
Onde em cada audácia,
Em cada casa,
Em casa vão,
Existe a brecha eterna
À qual denominamos
Amor


Um comentário:

Anônimo disse...

Amém!

Bjs,
Claudita <3